Home > Concursos e Emprego > Núcleo de Apoio ao Trabalho e Emdagro realizam provas da seleção para Jovem Aprendiz

Núcleo de Apoio ao Trabalho e Emdagro realizam provas da seleção para Jovem Aprendiz

Na manhã desta terça, 31, foi realizada a última etapa do processo de seleção para Jovem Aprendiz da Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro), intermediado pelo Núcleo de Apoio ao Trabalho (NAT) da Secretaria de Estado da Mulher, Inclusão e Assistência Social, do Trabalho e dos Direitos Humanos (Seidh). No total, 53 jovens realizaram as provas, no auditório da Emdagro, compreendendo questões de conhecimentos básicos em Português e Matemática.

De acordo com a coordenadora de Recursos Humanos da Emdagro, Maria Helena Santos, as sete vagas ofertadas para Jovem Aprendiz foram abertas para a substituição de uma turma cujo encerramento das atividades estava previsto para o início de fevereiro – além de cumprir uma demanda determinada pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).  Os jovens selecionados devem desempenhar atividades na área administrativa da empresa, além de realizar um curso de Auxiliar Administrativo pelo Senac, durante o período de um ano e quatro meses.

“Eles irão aprender os processos de protocolo, digitação e atividades afins da área de Auxiliar Administrativo. Além disso, devem pôr em prática na empresa o que for passado de conhecimento no curso ofertado. Além disso, faremos remanejamento desses jovens por setores durante o período que passarem pela Emdagro, para que tenham mais oportunidades de conhecimento e qualificação profissional”, explica a coordenadora Maria Helena.

O diretor-presidente da Emdagro, Jefferson Feitosa, ressalta que o processo de seleção possui intenções que vão além do cumprimento à lei de contratação de aprendizes, e destaca a ação do NAT em parceria com a empresa.  “Além do cumprimento da lei em obediência ao MTE, selecionamos Jovens Aprendizes com a intenção de que eles tenham a possibilidade de se encaixar no mercado de trabalho, para que possam exercer uma profissão e, com isso, se qualificar. Dentro disso, estabelecemos uma parceria forte com a Seidh e o NAT, que mesmo estando em comum no âmbito do serviço público estadual, nos traz a possibilidade de trabalharmos juntos em prol da inserção de jovens em oportunidades de emprego e qualificação”, pontua.

Para Raniele Santos Silva, de 18 anos, a oportunidade de seleção para Jovem Aprendiz é uma esperança de conseguir o primeiro emprego e um complemento à sua renda familiar. “Fiquei sabendo do processo seletivo através do NAT. Já estava procurando emprego há algum tempo, pois busco minha primeira oportunidade. Então realizei o cadastro da minha ficha de inscrição para a vaga e vim realizar a prova. Estou confiante, pois achei as questões fáceis. Com o primeiro emprego busco minha independência financeira, além de poder ajudar em casa”, diz a jovem.

 

Fonte: ASN





Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve cadastrar seus dados e aguardar moderação. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.