Home > Entretenimento > III Festival Sergipano de Artes Cênicas estreia no Dia Mundial do Teatro

III Festival Sergipano de Artes Cênicas estreia no Dia Mundial do Teatro

Ao longo de mais de um mês de programação, espetáculos de dança, teatro e circo estarão em cartaz no III Festival Sergipano de Artes Cênicas, que inicia na próxima segunda-feira, 27 de março, Dia Mundial do Teatro. Promovido pelo Governo de Sergipe , através da  Secretaria de Estado da Cultura (Secult), o evento conta com diversas apresentações divididas entre os teatros Atheneu, Lourival Batista, Tobias Barreto, praças e outros espaços públicos de Aracaju e do interior.

Viabilizado por meio do Fundo de Desenvolvimento Cultural e Artístico (Funcart), o festival abriga também o VII Festival Sergipano de Teatro e a XI Semana de Dança. Além de apoiar o artista, evento tem como objetivo incentivar a produção cultural sergipana, a formação de plateia e garantir o direito de acesso à cultura, contemplando diversos gostos e faixas etárias. Este ano o Festival acontece entre os dias 27 de março e 30 de abril, totalmente gratuito.

O espetáculo ‘Danação’, de Minas Gerais, foi convidado para abrir a programação no Teatro Tobias Barreto trazendo a narração de algumas histórias que abordam questões sobre a vida, a morte, o amor e a memória. Nascido do encontro entre os artistas Eduardo Moreira (Grupo Galpão), Marcelo Castro (Grupo Espanca) e Mariana Maioline, a peça aposta na construção e desconstrução de imagens, atmosferas e metáforas evocadas pelo texto escrito pelo dramaturgo belorizontino, Raysner de Paula. Na peça, o público se torna personagem essencial do jogo de cena, nas situações estabelecidas pelo narrador.

Já a terça-feira, 28, é dedicada ao aniversário de 63 anos do Teatro Atheneu, que será comemorado com a apresentação do monólogo pernambucano, ‘O Açougueiro’.  Dirigido por Samuel Santos, o espetáculo traz Alexandre Guimarães se revezando em sete personagens, sendo o principal Antônio, um sertanejo que tinha como ambição ser dono se um açougue. Ele conhece e se apaixona por Nicinha, com quem decide se casar, mas tem como obstáculo uma sociedade que não aceita o relacionamento. As duas apresentações de abertura do Festival estão marcadas para as 20 horas.

Além dos espetáculos o evento contará, mais uma vez, com diversas palestras e oficinas gratuitas, voltadas especialmente para profissionais e interessados nas artes cênicas. A primeira será com o renomado ator, diretor e teatrólogo brasileiro, Amir Haddad (RJ), que falará sobre ‘O teatro e a sua sobrevivência nos tempos atuais’, no dia 29 de março, às 18 horas, no Teatro Atheneu. A programação completa e mais informações podem ser acompanhadas pelo site e pela página do Facebook: Festival Sergipano de Artes Cênicas.

 

Fonte: ASN





Política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Para utilizá-lo, você deve cadastrar seus dados e aguardar moderação. Não serão aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos etc. serão excluídos pelos moderadores do site. Também não serão aceitos comentários com links e propaganda de produtos, serviços e dietas.